Movimento estudantil de São Carlos obtém compromisso que inclui creches

Um termo de compromisso assinado entre gestores do Campus da USP de São Carlos e integrantes do movimento estudantil levou à desocupação pacífica da prefeitura do campus local. Entre as demandas acolhidas, está a solicitação de reabertura das vagas fechadas na creche da USP de São Carlos.

O presidente do Conselho Gestor, Carlos A. Ferreira Martins, o prefeito do campus, Marco Henrique Terra, e o presidente do Caaso, Rafael Drummond, assinaram o termo, em que se comprometem a solicitar à Superintendência de Assistência Social “a matrícula de novas crianças na Creche de São Carlos até o limite do número de vagas que ela comporta, garantidos os padrões de excelência que a caracterizam”.

A creche de São Carlos, assim como as demais da USP, fechou todas as vagas que haviam sido abertas no início deste ano, apesar de ter realizado e divulgado o resultado do processo seletivo. O problema persistirá em 2016, pois, segundo o chefe de gabinete do reitor, Osvaldo Nakao, as creches da USP não receberão uma única criança em 2016.

Contudo, várias crianças foram admitidas nas creches da USP este ano após decisões judiciais favoráveis obtidas por seus pais em São Carlos e em Ribeirão Preto.

Veja a íntegra do termo de compromisso:

termo_compromisso_creche_caaso-2

Anúncios

4 comentários sobre “Movimento estudantil de São Carlos obtém compromisso que inclui creches

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s