Cesar Minto, da Adusp, cita creches e desmente Folha sobre greve

Cesar Minto, professor da Faculdade de Educação da USP e presidente da Adusp, publicou hoje, dia 8 de junho, um artigo em que rebate um editorial da Folha de S. Paulo sobre a greve no próprio jornal.

Ele afirma que a greve não tem como único objetivo ganhos salariais, mas o fim do desmonte das Creches/Pré-Escolas da USP, Escola de Aplicação e Hospital Universitário, além da reposição de professores e funcionários que se aposentaram ou deixaram a universidade.

Minto cita ainda a falta de repasse de verbas prometidas pelo governo do Estado assim como o não aumento do percentual de repasse, apesar do aumento expressivo de alunos e campi.

A crise em que a USP se encontra, portanto, teria como principais responsáveis o governador e o atual reitor, Marco Antonio Zago. Zago realizou o desastroso Programa de Demissão Voluntária em 2014, que desfalcou a universidade de 1.400 trabalhadores e queimou R$ 280 milhões em reservas.

Leia o artigo completo no link abaixo:

http://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2016/06/1779335-greve-na-usp-e-o-bunker-de-chumbo.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s